JOGOU 21 PARTIDAS

Há 47 anos Racing Club vencia o Nacional era campeão da Libertadores

Há 47 anos o Racing se consagrava campeão da América com os gols de João Cardoso e Norberto Raffo no terceiro jogo da série de finais contra o Nacional de Montevidéu. O clube argentino teve que disputar 20 jogos para ganhar sua primeira Libertadores e , até hoje, é a equipe que mais jogou para conquistar o título do torneio. Meses depois, ainda se tornaria o primeiro campeão mundial da Argentina.

Argentinos e uruguaios haviam empatado na ida e na volta sem gols, razão pela qual foi decidido ter um terceiro jogo sediado no Chile, no Estádio Nacional de Santiago.

Naquele dia histórico para o Racing, entraram em campo: Agustín Cejas, Roberto Perfumo, Rubén Díaz, Oscar Martín, Miguel Mori, Alfio Basile, João Cardoso, Juan Carlos Rulli, Juan Carlos Cárdenas, Norberto Raffo e Humberto Maschio.

Enquanto a escalação do Nacional foi: Rogelio Domínguez, Jorge Manicera, Emilio Álvarez, Luis Ubiña, Julio Montero Castillo, Juan Martín Mujica, José Urruzmendi, Milton Viera, Celio Taveira, Víctor Espárrago e Julio César Morales.

No que foi um primeiro tempo brilhante para a equipe argentina comandada por José Pizzuti, o brasileiro João Cardoso abriu o placar aos 13’, e Norberto Raffo, ampliou aos 43', marcando seu 14º gol no torneio.

O segundo tempo foi marcado por 10 minutos de suspense, já que Milton Viera descontou para o Nacional aos 35’, gerando um final emocionante em Santiago.

Finalmente, o árbitro paraguaio Rodolfo Osorio apitou o final, e Racing tornou-se o segundo clube argentino a ganhar a Libertadores (Independiente foi o primeiro em 1964-1965).

Durante toda a competição, o Racing disputou um total de 20 jogos, dos quais venceu 14, empatou quatro e perdeu apenas dois, fazendo 44 gols, sofrendo 14 e somando 32 pontos.

Caminho ao título:

08/03 Racing 2-0 River, (Raffo e Maschio)

15/03 31 de Octubre 3-0 Racing

26/03 Indep. Medellín 0-2 Racing (Maschio e Raffo)

29/03 Indep. Santa Fe 0-2 Racing (Maschio x2)

05/04 Bolívar 0-2 Racing (Joao Cardozo, Raffo)

18/04 Racing 5-2 Indep. Medellín (Martinoli (2), Díaz, Basile, Rambert)

20/04 Racing 4-1 Indep. Santa Fe (Raffo (2), Cárdenas, Cardoso)

02/05 Racing 6-0 31 de Octubre (Cárdenas (3), Parenti, Maschi, Perfumo)

04/05 Racing 6-0 Bolívar (Cárdenas (3), Rambert, Rodríguez, Parenti)

11/05 River 0-0 Racing

01/06 Racing 0-0 River

07/06 Racing 2-1 Universitario (Raffo x2)

15/06 Racing 1-2 Universitario (Maschio)

22/06 Colo Colo 0-2 Racing (Raffo x2)

28/06 Racing 3-1 Colo Colo (Rodríguez x3)

12/07 Racing 3-1 River (Raffo x2 e Rodríguez)

18/07 Universitario 1-2 Racing (Raffo x2)

15/08 Nacional 0-0 Racing

25.8 Racing 0-0 Nacional

29.8 Racing 2-1 Nacional (João Cardoso e Norberto Raffo)

Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE