MERCADO DA BOLA

As cinco potências da Europa que menos gastaram

No início desta semana fechou o período transferências no futebol europeu, onde os grandes times do continente se reforçaram para a temporada 2014-15.

No entanto, nem todas as potências europeias fizeram investimentos tão grandes como os  feitos por outros grandes clubes como Manchester United, Barcelona, ​​Real Madrid, Liverpool, Chelsea e Atlético de Madrid.

Confira a lista das cinco potências europeias menos gastaram em jogadores no último mercado de transferências.

Juventus: 46 milhões de dólares.

A equipe que venceu os últimos três campeonatos da Série A italiana e sua principal contratação foi Álvaro Morata. O custo de Patrice Evra foi muito baixo e a chegada do jovem Kingsley Coman foi grátis.

Bayern de Munique: 49 milhões de dólares.

Robert Lewandowski foi a principal aposta do campeão da Bundesliga em um negócio que já estava fechado há vários meses. Xabi Alonso não foi um investimento significativo para a equipe de Guardiola.

Roma: 64 milhões de dólares.

O maior investimento do clube italiano foi o argentino Juan Manuel Iturbe. O grego Manolas e o belga Nainggolan custaram bem menos.

Paris Saint-Germain: 66 milhões de dólares.

O Fair Play Financeiro limitou a atividade do PSG no mercado, o que não o impediu de pagar uma grande soma de dinheiro pelo zagueiro David Luiz.

Manchester City: 85 milhões de dólares.

E uma situação semelhante ao clube francês, a maior aquisição do City foi o zagueiro Eliaquim Mangala. Fernando, do Porto, e o goleiro Willy Caballero representaram contratações de menor custo.

Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE