DECIDIDO
0 Likes

Atlético-MG não viajará a Chapecó para 'festa da CBF' e perderá por W.O.

Presidente do Galo, Daniel Nepomuceno, afirmou que este não é o momento para se realizar uma partida de futebol 

Por meio de uma entrevista coletiva realizada na manhã desta quinta-feira, na Cidade do Galo, o presidente do Atlético-MG, Daniel Nepomuceno, comunicou à imprensa que sua equipe não enfrentará a Chapecoense na última rodada do Campeonato Brasileiro. O elenco será liberado pela diretoria e o time mineiro, simbolicamente, perderá por W.O. 

Apesar do desejo da CBF de realizar a partida, o Atlético-MG, desde o início, se mostrou contrário ao confronto. 

"Atlético-MG não irá jogar, não írá a Chapecó, não é o momento", afirmou o dirigente na coletiva. 

A realização da partida foi um pedido do presidente Marco Polo Del Nero, que afirmou aos dirigentes da Chapecoense que a entidade planejaria uma 'festa' para homenagear as vítimas. 

"Conversei com o presidente Del Nero sobre a partida contra o Atlético-MG. Ele disse: ‘Este jogo tem que acontecer. Tem que ser uma grande festa'. Respondi: ‘Não temos 11 jogadores'. Ele disse: "Tem sim. Vocês têm categoria de base, os jogadores que ficaram. Não importa. Tem que fazer uma grande festa. Chapecó e a Chapecoense merecem.'", afirmou o presidente em exercício da Chapecoense, Ivan Tozzo, na quarta.

0

GOSTOU DO POST?

0
Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE