MAIS DE UM BILHÃO

Clubes ingleses gastaram uma fortuna

O futebol chegou a um ponto em que o capital privado, o marketing e a irracionalidade fazem com que clubes gastem milhões e milhões para comprar jogadores e ainda lhes paguem salários altíssimos.

Nesta segunda-feira, a janela de transferências na Itália e Inglaterra foi encerrada, no domingo, já havia acabado na Espanha, e em 4 de Setembro, termina na França. Assim, os números finais de cada transferência, equipe e campeonato já são conhecidos, e o total é realmente assustador.

Os clubes ingleses foram os que mais gastaram em jogadores nessa janela de acordo com Goal.com. O valor chega a 1,38 bilhões de dólares, um recorde inglês e no resto do mundo. O clube com mais peso nessa cifra é o Manchester United, que concretizou a compra (Di María) e o empréstimo (Falcao) mais caro da história do futebol inglês.

Em relação a outros países, a diferença é enorme. As vinte equipes da Primeira Divisão da Espanha gastaram 701 milhões. Seguem no ranking os clubes da Itália (428 mi), Alemanha (413 mi) e França (157 mi).

Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE