PAIXÃO NA ITÁLIA

Gary Medel: “O futebol italiano é o mais parecido com o sul-americano”

Com sua garra batalhadora no meio-campo, Gary Medel rapidamente ganhou lugar nos corações dos torcedores da Inter de Milão, como já tinha feito no Universidad Católica e Boca Juniors. O Pitbull chileno consolidou seu jogo forte e incansável na Europa. Primeiro na Espanha, com o Sevilla, em seguida, na Inglaterra, com o Cardiff ,e agora na Itália, com a Inter. Em entrevista ao Paixão Libertadores, Medel analisa o momento de sua seleção e fala sobre suas novas experiências.

PAIXÃO: Como você analisa o presente da seleção chilena de Jorge Sampaoli depois da Copa do Mundo?

MEDEL: A seleção está em um nível elevado, com grandes jogadores, e começamos uma nova fase com o desejo de ganhar um título para o Chile, espero que seja na próxima Copa América.

PAIXÃO: Você está ansioso para jogar a Copa América em casa (Chile 2015)?

MEDEL: Claro que sim, é algo incrível que nunca joguei, espero poder estar presente e que a taça fique em casa.

 

 “Começamos uma nova etapa com o desejo de ganhar um título para o Chile, espero que seja na próxima Copa América. Tomara que eu possa estar presente e que a taça fique em casa”.

PAIXÃO: Que diferença tem o futebol sul-americano dos países pelos quais você passou na Europa?

MEDEL: Joguei em vários países da Europa e acredito que o mais parecida com o futebol sul-americano é o italiano.

PAIXÃO: Você se sente mais confortável no futebol italiano que no espanhol?

MEDEL: É o mesmo para mim. Eu me adapto a cada campeonato e ao que o clube necessita.

PAIXÃO: Parece que você está muito adaptado futebol italiano, o torcedor da Inter já tem carinho por você, por sua forma guerreira de jogar no meio-campo…

MEDEL: Estou muito feliz aqui na Inter. Agradeço aos meus colegas, as pessoas que me trouxeram, que fizeram o esforço para que eu pudesse jogar em uma instituição tão importante e que confiaram em mim. Espero poder estar à altura para ganhar títulos com a Inter.

PAIXÃO: Qual foi a importância de ter muitos sul-americanos na equipe?

MEDEL: Isso me ajudou muito. Graças a eles, pude tentar me comunicar com outros companheiros, nisso, ajuda muito ter colegas que falam a mesma língua. Sou muito grato.

“Acho que estou em um alto nível no futebol. Sonho em ganhar um Scudetto com a Inter e classificar para a Champions League”.

PAIXÃO: Quais são seus objetivos na Inter?

MEDEL: Eu acho que eu estou bem, em um alto nível no futebol. Sonho de ganhar um Scudetto com a Inter, classificar para a Champions League e jogar o melhor que puder.

Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE