AINDA NÃO SE APOSENTA

Howard pede para tirar um ano sabático da seleção americana

O goleiro dos Estados Unidos anunciou que tirará um ano sabático de todas as atividades internacionais com a seleção de seu país, o que já foi aprovado pelo técnico alemão Jurgen Klinsmann.

Tim Howard, um dos goleiros de destaque da última Copa do Mundo no Brasil, confirmou a informação por meio de um comunicado, no qual explica que sua decisão se deve ao desejo de passar mais tempo com sua família.

"Depois de jogar no exterior nos últimos 12 anos e perder a oportunidade de estar com a minha família, é muito importante  cumprir esse compromisso com eles neste momento", explicou Howard, que agradeceu Klinsmann e o técnico do Everton, Roberto Martínez, por lhe darem esta oportunidade.

No entanto, o goleiro de 35 anos, que estabeleceu um novo recorde mais defesas em um jogo de Copa do Mundo, esclareceu que pretende retornar à seleção americana em setembro do ano que vem.

"É a decisão certa no momento certo. Jurgen sempre foi franco com todos os jogadores, dizendo que eles têm que ganhar o seu lugar, e eu concordo com isso. Estarei animado para voltar no próximo outono e competir por uma vaga", disse ele.

Já o treinador alemão que comanda a equipe dos Estados Unidos expressou seu apoio a Howard. "Eu disse que desde que ele seja o mesmo Tim Howard que sempre vemos jogando bem, vamos recebê-lo de braços abertos para competir por uma vaga de novo. Ele sabe que precisa provar que merece voltar", explicou Klinsmann.

Nos próximos 12 meses, Howard deve perder oitos confrontos internacionais, além da Copa Ouro 2015.

Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE