INACREDITÁVEL

Por que o Arsenal não contratou Messi aos 15 anos

A grande maioria dos clubes têm o famoso serviço de "scouting" feito por grupos de pessoas cujo trabalho é ir ver novos talentos. No Arsenal, seus olheiros foram visitar La Masia em 2002, quando Messi e companhia tinham 15 anos, ficaram deslumbrados e solicitaram uma reunião com seu representante. Por incrível que pareça uma das razões pelas quais a operação não foi concretizada, foi porque o Arsenal não podia pagar um apartamento para a família na Inglaterra e nem interceder para conseguir um visto de trabalho para Jorge, pai do jovem promissor.

"Durante a temporada 2002-03 a equipe Sub-16 foi acompanhada de perto pelo Arsenal, que queria assinar com Cesc Fábregas, Gerard Piqué e Leo Messi. Tudo começou com um jogo em Lloret de Mar contra o Parma. Nesse dia, Piqué não jogou, mas o resto da equipe sim, e venceu o jogo. O representante do Arsenal na Espanha, Francis Cagigao, ficou admirado. Acabara de presenciar algo muito diferente e extraordinário, ou seja, o controle de Cesc e o talento de Leo", lê-se em um trecho do livro "Messi", de Guillaume Balagué.

Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
comentários

unirse a la conversación

Os pontos de vista e opiniões expressadas neste post são somente as do autor e não representam necessariamente as da Paixão Futebol.

SABIA QUE TEM MAIS NOTÍCIA AQUI EM BAIXO?
Continue navegando!

DESTAQUE DE HOJE