Chuva e escuridão marcam dia seguinte de derrota do Vasco

Por: CesarFilhoVasco VASCO SEMPRE

 O dia seguinte de uma derrota numa final já não costuma ser bom. Mas o clima de São Januário na tarde desta segunda-feira constribuiu para o ambiente de ressaca após os 3 a 1 do Botafogo, pela decisão da Taça Rio. Com frio, chuva e escuridão, os jogadores que não começaram a partida do último domingo entraram em campo para um trabalho técnico.

Dos jogadores titulares, apenas o goleiro Fernando Prass treinou no campo. Os demais realizaram um trabalho específico na academia de São Januário. Rodolfo foi o único a aparecer no campo, dando algumas voltas pelo gramado. Enquanto isso, os demais atletas trabalhavam no campo atrás de uma das balizas e terminaram a atividade numa escuridão quase que total, sem que os refletores do estádio fossem acesos.

Na manhã desta terça o técnico Cristóvão Borges terá novamente todo o elenco no campo para o último treino antes do jogo contra o Lanús, nesta quarta, pelo confronto de ida das oitavas de final da Libertadores. O único desfalque certo do Vasco é Dedé, que se recupera de um edema ósseo na perna esquerda.

Fonte: GloboEsporte.com

Más noticias de FANATICOS